Pokemon GO - Como logar o aplicativo no WiFi

Criada por Ullysses Andrade, Modificado em Tue, 13 Sep 2016 na (o) 05:22 PM por Ullysses Andrade

O sucesso no login do Pokemon GO muita das vezes está associado ao tamanho do MTU configurado no seu roteador WiFi. Vamos aprender como solucionar o problema do login ao aplicativo, caso o problema seja realmente do tamanho do MTU configurado no roteador.

 

  •  Mas o que e MTU?

MTU “Maximun Transmission Unit” ou então “Unidade de Transmissão Máxima”, ou seja, e a quantidade máxima de dados que pode ser transmitida em um único quadro.

 

  • Por que ele interfere em minha conexão?

Quando e necessário fazer uma transmissão de um datagrama que é maior que o valor da MTU, ocorre uma fragmentação dos dados, com isso o datagrama é quebrado em pedaços menores, esses pedaços são conhecidos como fragmentos. Esses fragmentos têm que ter tamanhos menores que o da MTU.

Ou seja, quando ocorre a transmissão de um datagrama, ele passa por vários roteadores até que chegue em seu destino, porem se no caminho tiver algum roteador que não suporte o tamanho do datagrama, ele pode ser descartado. Então a melhor forma de não perder esse pacote, e calculando antes qual o melhor valor de MTU e assim configurar seu roteador e seu console para esse valor especifico.

 

  • Como calcular o melhor valor para a MTU?

1º Abra o CMD do Windows

 Pode-se abrir o CMD apertando as teclas (WINDOWS + R) juntas, abrira uma janela, agora e só digitar CMD e clicar em OK.

 

 

2º Encontrar o IP no qual será dado o ping

De o comando tracert –d para qualquer site (No caso de jogo on, dar esse comando para o servidor) no pront de comando CMD. Com isso lhe será mostrado a rota que o pacote usa para chegar até o destino.

 

 



Nesse exemplo e mostrado qual a rota para o google. Para escolhermos qual ip usar no teste de MTU, basta escolher o primeiro IP que está fora da sua rede. Neste caso será o IP 138.94.52.1

 

 

3º Dar um ping no servidor de destino

 

 Digite ping –f –l [tamanho da MTU] [servidor destino]

       Ex: ping –f –l 1500 138.94.54.1

 

O parâmetro –f faz com que o pacote seja enviado apenas se ele não precisar ser desfragmentado, ou seja, não precisa ser quebrado em uma ou mais partes antes de ser enviado.

O parâmetro –l e usado quando se quer definir o tamanho do pacote.

 

4º Analisar os tamanhos das MTU

Primeiramente se testa o tamanho do pacote com o valor de 1500, caso aparecer que o pacote precisa ser desfragmentado e também que os 4 pacotes enviados foram perdidos, e necessário que vá diminuindo esse valor até que ele consiga ser enviado ser necessidade de ser fragmentado e também que todos os pacotes forem recebidos.

 

 


5º Quando você encontrar um número, no qual o pacote já possa ser enviado sem ocorrer perda, e necessário que aumente de 1 em 1 o seu valor, até que o pacote seja novamente perdido, pois assim você encontrara o Máximo Valor a ser transmitido sem que ocorra perda, que e o nosso objetivo principal.

 

 


 Após encontrar o valor exato do pacote, e necessário que acrescente 28 Bytes de cabeçalho. Sendo que desses 28 bytes (20 bytes de cabeçalho IP e 8 bytes de cabeçalho adicional).

Nos exemplos que estamos usando, o valor da MTU seria 1452 + 28 =1480

 

7º Agora e só configurar esse valor na MTU (importante não esquecer de acrescentar os 28 bytes) em seu roteador e se necessário em seu console.

 

8º Tente logar novamente no Pokemon GO.

Este artigo foi útil?

Que bom!

Obrigado pelo seu feedback

Desculpe! Não conseguimos ajudar você

Obrigado pelo seu feedback

Deixe-nos saber como podemos melhorar este artigo!

Selecione pelo menos um dos motivos
A verificação do CAPTCHA é obrigatória.

Feedback enviado

Agradecemos seu esforço e tentaremos corrigir o artigo